Bianco S

Salve meus amigos do Carros Raros BR!

Agora o blog começa a engrenar: material novo chegando e muitos posts pela frente! Começamos este post com mais um fora-de-série nacional: um belíssimo Bianco S dourado

Bianco S (1)[1]

O carro das fotos foi flagrado em Bal.Camboriú/SC, mesma cidade onde encontrei um Miura TopSport vermelho, lindo por sinal.

Bianco S (2)[2]

Este é mais um dos chamados Fora-De-Série usando a clássica mecânica Volkswagen “air-cooled” e chassi da mesma marca. Seu desenho chama a atenção de muitos, mesmo tendo mais de 30 anos!

Breve Histórico:

Tudo começa em 1976 no Salão do Automóvel de São Paulo. Era apresentado mais um esportivo fora-de-série utilizando a consagrada base Volkswagen (plataforma e conjunto motriz) aliada a uma carroceria de fibra de vidro e plástico. Este era o Bianco, projetado por Toni Bianco, famoso projetista paulista, de origem italiana, de carros de competição da década de 1960. E não era um “qualquer”: o primeiro protótipo da F3 nacional foi feito por ele.

Para os “antenados” no automobilismo nacional o Bianco não era muita novidade, já que seu desenho era praticamente igual ao modelo Fúria, bem conhecido nas competições nacionais e que já utilizou motores de carros como FNM 2150, GM 151 (o 2500 do Chevrolet Opala) V8 Dodge e BMW e até, pasmem, um V12 do Lamborghini Miura, este do ano de 1966.

Logo de inicio já fez sucesso no salão devido ao seu atraente desenho, garantindo 180 modelos vendidos no estande da marca nos primeiros dias de salão! Como todo esportivo este seguiu a cartilha ao pé da letra: apenas 2 lugares, linhas curvas e bem aerodinâmicas, além de muito modernas para a época, o que garantia olhares e elogios por onde passava, como já dito lá no começo.

Devido ao seu desenho aerodinâmico o parbrisas, bem grande, garantia uma ótima visibilidade para frente e para os lados. O painel segue o padrão esportivos, com instrumentação completa, além de detalhes com aro do volante e pomo da alavanca e câmbio em madeira, interior em couro e acionamento elétrico dos vidros. Sua produção era de aproximadamente 20 carros/dia, e seus concorrentes diretos era o Puma e o Adamo, que também usavam a mesma base Volkswagen, sendo assim tendo um desempenho similar aos seus concorrentes, mas um tanto acanhado para um esportivo “de presença”: Módicos 155 Km/h de velocidade máxima e aceleração de 0-100 Km/h em “lentos’ 15 segundos

bianco-s2-78-anun[1] Anuncio de 1978 sobre sua aparição o Salão de Nova York do mesmo ano

Os modelos de 6 e 8 cilindros já apresentavam números bem apreciáveis obviamente, mas caso quisesse havia opções de preparação para o motor Volkswagen, já muito desenvolvida para ele, o que garantia uma boa melhora no desempenho. Em todos os modelos eram disponíveis freios a disco na dianteira, rodas largas 185/70 R13 com tala de 8' polegadas,o que garantia uma boa estabilidade mesmo usando uma suspensão bem “boqueta”. No fim das contas o carro era interessante de se guiar .

Se no assunto mecânica já deixava a desejar, no quesito acabamento e desenho davam um salto de qualidade, agradando aos mais exigentes: era o mais equipado com boa visualização,baixo nível de ruído, boa dirigibilidade e com acabamento primoroso

Ficha Técnica: Bianco S 1600 “air-cooled”

Motor

Traseiro; 4 cilindros horizontais opostos; “Boxer” refrigeração a ar; comando central, 2 válvulas por cilindro, dois carburadores de corpo simples.

Diâmetro e curso:

85,5 x 69 mm.

Cilindrada:

1.584 cm3

Taxa de compressão:

7,2:1.

Potência máxima:

65 HP @ 4.600 RPM.

Torque máximo:

11,7 m.kgf a 3.200 rpm

Cambio

Manual 4 marchas, tração traseira

Freios: Dianteira: Disco sólido
Traseira: Tambor
Rodas: 8 x 13 pol.
Pneus: 185/70 R 13 S.
Dimensões: Comprimento,:3,8 m
Largura: 1,66 m
Altura: 1,16 m
Entre eixos: 2,4 m
Peso:, 825 kg
Tanque de Combustível: N/D
Desempenho: Velocidade Máxima: 150 km/h     0 a 100 km/h: 15 s

.

Para mais informações acesse o site Best Cars Web Site.

Curiosidade: muitos ficam imaginando como seria aquele carro de antigamente com um “remake”. O Edu Oliveira do Blog do Lagartixa pensou nisso e fez um (clique no nome do blog para acessar)

Fonte: Best Cars Web Site

Fotos, texto e edição: Kiko Molinari Originals®

7 Response to Bianco S

28 de agosto de 2010 21:08

Prometi que viria visitar e olha eu aqui!
gostei das postagens!
continue assim.

29 de agosto de 2010 22:48

Seja bem vindo!

Aos poucos os posts vão aparecendo ;)

Abraços
Ass
Kiko Molinari

2 de fevereiro de 2011 19:12

Prezado,

Nunca tinha visto um igual ao meu. Estas fotos são recentes? Se quiser envio fotos do meu, agora com palca preta para enriquecer as informações do Bianco S. O meu foi objeto de reportagem do programa LIMITE com o Flávio Gomes e tem o autografo do Tony Bianco. Uma honra.

5 de março de 2011 00:48

Que maravilha !!!

Pode mandar as fotos para cristianocorreamolinari@bol.com.br, com seu nome e cidade onde reside. Se possível envie tambem um breve histórico sobre seu carro (como o conseguiu, restauração, etc...)

Abraços
ass
Kiko Molinari

18 de maio de 2011 14:20

Preciso de uma informação, estou montando um Bianco 78 e como ele veio sem o tanque de combustivel não sei qual devo colocar,se alguém puder me ajudar agradeço.
Renato r_rccanova@yahoo.com.br
Abraços !!

1 de outubro de 2011 21:37

Quero comprar um BIANCO S, quem souber favor passar meu contato:
alessandrolamoglia@gmail.com

29 de junho de 2016 15:48

O mais bonito nacional já produzido, seguido pelos demais VW das décadas de 60 e 70, como Puma, TL, Variant, Karman-guia, SP2, 'Zé do Caixãoe', etc. Também gosto muito dos Corcel 1, das 2 primeiras levas de Opala, além das picapes Ford e Chevrolet antigas (+ as Ford). Belezas insuperáveis.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Copyright © 2010 Carros Raros BR. Todos os direitos reservados.
Blogger Template by Anshul Theme By- Simplywp. Adaptado por Rafael.